Na última sexta-feira (11), a FENAMP realizou uma reunião ampliada da coordenação, com participação da direção da ANSEMP e de representantes das diretorias dos sindicatos estaduais de servidores do Ministério Público. O encontro foi convocado para que as entidades pudessem discutir ações conjuntas de enfrentamento à Reforma Administrativa, enviada pelo governo Bolsonaro através da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 32/2020. Além das coordenações das entidades nacionais, a reunião teve a participação de diretores de 21 entidades dos estados.

Na reunião, a coordenadora de Comunicação da FENAMP, Vania Leal, explicou aos diretores estaduais sobre a campanha que as entidades nacionais estão preparando e algumas das estratégias que já vinham sendo discutidas. A coordenadora também falou sobre a campanha que a FENAMP e a ANSEMP irão participar juntamente com a FENAJUFE e outras Federações de servidores públicos. O presidente em exercício da ANSEMP, Flávio Sueth, destacou a importância de as entidades estaduais aderirem à campanha nacional e da formação de um fundo financeiro para custear o enfrentamento à Reforma Administrativa.

Em mais de três horas de debate, as diretorias da FENAMP e ANSEMP ouviram as propostas dos dirigentes das entidades de base e também os relatos sobre as ações que já estão sendo desenvolvidas. Os dirigentes presentes concordaram com a importância de uma campanha unificada e da composição de um fundo com contribuição extra das entidades estaduais. Como deliberações da reunião, também foram decididos alguns eixos para a campanha, como a ampliação da comunicação com as entidades de base, com o envio de materiais para subsidiar a campanha dos estados; a divulgação dos materiais de campanha em plataformas online e offline, como redes sociais e outdoors; a realização de reuniões com parlamentares e grupos de interesse para pressionar e/ou alinhar estratégias, assim como com pré-candidatos a prefeito (a) e vereador (a); e a realização e participação em eventos contra a Reforma, como o Dia Nacional de Lutas em defesa do serviço público, no próximo dia 30.

Estiveram presentes representantes dos sindicatos de servidores do Ministério Público do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Pará, Amapá, Maranhão, Tocantins, Rondônia, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here