Por Cleide dos Santos Rocho*

A proximidade das eleições traz a necessidade óbvia de escolha de representantes que devem refletir projetos, pautas e discursos que correspondam ao anseio do seu eleitor. A atual representação do parlamento federal majoritariamente representado por homens1, em sua maioria brancos, de meia idade, independente do espectro político, a julgar pela propaganda eleitoral, não parece sofrer grandes alterações no próximo pleito, mas desafiam algumas reflexões.

No campo progressista, são comuns críticas duras a determinadas personalidades públicas pertencentes a grupos minoritários que serviriam à manutenção dessa estrutura social elitista branca e conservadora, mas internamente a discussão sobre a representatividade efetiva pouco sai do campo teórico e se concretiza proporcionalmente.

Por sua vez, quando eleitos, os poucos representantes de grupos minoritários são vítimas de inúmeros episódios de violência política, como ameaças de morte, assédio sexual em plenário, processos de impeachment, sem que nenhuma ação concreta que coíba ataques e proteja essas pessoas2.

Além disso, essa parca representativa subtrai do debate público perspectivas e vivências particulares que seriam fundamentais para a construção de políticas públicas de qualidade, já que por mais bem intencionados que se proponham os eleitos, são incapazes de dar voz a todas as nuances que uma composição multicultural, multirracional e multigêneros poderia conduzir.

Ferreira Gullar ensina que “o canto não pode ser uma traição à vida, e só é justo cantar se o nosso canto arrasta consigo as pessoas e as coisas que não têm voz”. Cantamos demais para preservar nossos próprios privilégios. Agora é chegado o momento de silenciar e ouvir.

*Cleide dos Santos Rocho, Analista do Ministério Público do RS desde 2005, formada em Ciências Jurídicas e Sociais PUC-RS, com pós graduação em Direito Imobiliário.

1 https://www.camara.leg.br/noticias/550900-nova-composicao-da-camara-ainda-temdescompasso-em-relacao-ao-perfil-da-populacao-brasileira/
2 https://www.esefossevoce.com.br/pagina/sobre-nos.html
https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2022/07/05/renato-freitas-entenda-a-cronologia-docaso-sobre-a-cassacao-do-vereador-em-curitiba.ghtml
https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2021/04/01/caso-isa-penna-em-decisao-ineditaalesp-suspende-por-6-meses-mandato-do-deputado-fernando-cury-que-passou-a-mao-emcolega.ghtml
https://brasil.elpais.com/brasil/2019/01/24/politica/1548364530_154799.htm

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here